Thirteen
I woke up like this...

Estou a adorar a sensação de fazer o que me apetece sem me sentir culpada.

9 comentários:

  1. R: Eu gostava imenso de ir para Paris, mas como a minha universidade não tem parceria com nenhuma de lá que tenha o meu curso, acho que se escolhesse algum sítio seria Itália (aí já tenho mais escolha, Milão, Florença, Roma...). Infelizmente ainda não sei muito sobre o assunto, a nível de equivalências, como fazer a inscrição e essas coisas todas, por isso ou tenho que começar a investigar melhor ou falar com alguém entendido no assunto. O ideal seria fazer o mesmo que a tua irmã, ir no último ano, mas como no último ano tenho uma colecção para fazer e apresentar não acredito muito que seja possível /:

    ResponderEliminar
  2. Mas com a prynt também iria dar para ter o conceito porque não faz apenas impressão de fotos que eu escolha, pode imprimir "na hora" a fotografia que eu decidir tirar naquele momento. E uma vez que os rolos não são, de todo, baratos, especialmente para Instax, polaroids e assim acho que faz mais sentido jogar pelo seguro neste tipo de fotografia instantânea e "brincar" com a expectativa fotográfica numa analógica, revelando as fotografias e vendo como ficou o resultado. Acho que têm propósitos diferentes e, por isso, devem ser encaradas com objectivos diferentes :)

    ResponderEliminar
  3. Também adoro. Por hoje já estudei qualquer coisa, portanto o resto do dia está mais ou menos livre!

    ResponderEliminar
  4. É óptima essa sensação, aproveita-a bem! :)
    R: Já respondi ao mail :)

    ResponderEliminar
  5. Imagino o que será...
    http://na-aura-de-uma-forasteira.blogspot.com

    ResponderEliminar