VIDA ACADÉMICA | Eu achava graça à Estatística... até hoje.

A minha principal frustração de hoje ficou marcada pela Frequência de Estatística que não consegui terminar. Não consegui fazer quatro perguntas (ou duas perguntas e duas alíneas, se preferirem o detalhe) e saí da sala zangada comigo mesma. Nunca tinha deixado perguntas por fazer mas desta vez não fiz 39% da Frequência sendo que 20% correspondiam a uma só alínea que não tive sequer tempo de começar. TRINTA E NOVE POR CENTO. Aquilo que realmente fiz poderá chegar, no máximo, aos doze valores (e eu ponho as minhas mãos no fogo enquanto juro que não vai acontecer) e sinto desilusão porque sabia mais e porque devia ter tido tempo para mais. 

Este está a ser o semestre mais complicado até então. Muitos trabalhos, muitas apresentações, muitas trocas de horários e muitas, muitas chatices. O primeiro ano apesar de trabalhoso foi fascinante mas este semestre está-me a fazer duvidar das minhas escolhas e decisões. Talvez seja cansaço. Resta-me esperar por um amanhã melhor - de preferência com um teste prático bem feito e a soma de dois valores limpinhos à média final de Estatística. Hoje vou continuar o estudo e remeter-me ao silêncio no quentinho do meu quarto. Nem me apetece ver futebol. Também tenho direito a estar triste e desanimada com o mundo.

observando

10 comentários:

  1. Também odeio não ter tempo para terminar as frequências!
    Boa sorte *

    ResponderEliminar
  2. Identifico-me contigo... este semestre está a ser horrível em vários aspetos, e isso reflete-se na descida de notas...

    ResponderEliminar
  3. O 2º ano é muito duro a nível emocional, não te deixes ir abaixo. Não foi nesta oportunidade que conseguiste a nota que desejavas? Há uma próxima. E agora vais mais preparada e com uma ideia melhor do que te espera. É só mais um pequeno obstáculo que uma Carolina consegue passar :)

    ResponderEliminar
  4. Sim, com certeza, amanhã será um dia melhor!

    ResponderEliminar
  5. Infelizmente nem sempre tudo corre bem, mas tenho a certeza de que vais conseguir ultrapassar isso e ser superior, como sempre! Não correu bem agora, para a próxima correrá melhor :)

    ResponderEliminar
  6. Acabei de passar pela mesma fase nestas frequências... Não tinha motivação para nada e duvidei da escolha que fiz em vir para o meu curso. O primeiro teste era do cadeirão do semestre, quando saí da sala achava que não conseguia tirar mais de 6 e já me tinha mentalizado que ia chumbar. Guess what? Fui a 5ª melhor nota do ano (: Às vezes as coisas correm melhor que aquilo que esperamos! É preciso é manter a força

    ResponderEliminar