LONDRES, INGLATERRA | The British Museum

As viagens são também um banho de cultura e, por essa ordem de ideias, não fazia qualquer sentido não visitar alguns dos muitos museus que Londres tem para oferecer. O primeiro, logo na segunda-feira, foi o Museu Britânico, fundado em 1753 e dono duma diversidade incrível de peças espalhadas por várias salas mais ou menos planeadas. Mistura arte, ténica e ciência num edifício absolutamente fascinante - dividido em várias salas impossíveis de ver duma só vez - e é um local obrigatório não só para turistas.

À entrada definimos as duas áreas que queríamos ver com maior detalhe mas acabámos por conseguir deambular por vários espaços muito distintos - Grécia, Egipto, África, México, (...) - e ainda passámos por uma sala dedicada a objectos mais contemporâneos e diversificados, sem grande organização. Confesso que não sou pessoa de perder muiiiito tempo a observar cada uma das peças expostas (sou o oposto do Gui, que lê tudo, fotografa tudo e quase faz o inventário das salas que mais lhe agradam) mas gosto de passear entre antepassados, épocas e culturas diferentes e de observar com detalhe as peças e exposições que me vão cativando de forma mais intensa. E as salas e temas que escolhemos visitar deixaram-me satisfeita. O conhecimento não ocupa espaço.

O Museu Britânico está aberto diariamente das 10h00 às 17h30 - com a excepção de que pode ser visitado até às 20h30 à sexta-feira -, é gratuito - tem muita gente mas poucas filas e zero encontrões - e vale muito a pena. Apesar da polémica que o assombra (sabiam que os ingleses arrancaram partes das esculturas e dos edifícios nos locais de origem apenas para os colocar ali, certo?) é um ponto muito enriquecedor na cidade de Londres. Se interessar, as peças mais procuradas e apreciadas são a Pedra de Rosetta, a Estátua da Ilha da Páscoa, as esculturas retiradas da parte exterior do Partenon, a Múmia de Katebet e o Jogo de Xadrez de Lewis.













7 comentários:

  1. Gostei muito do British Museum e também do Natural History Museum ;)

    ResponderEliminar
  2. R: Também costumava pensar assim. Mas sei lá. Penso que seja o desanimo ou assim. Por mais que diga a mim mesma que vale sempre a pena, é como que se não conseguisse acreditar nisso.

    ResponderEliminar
  3. r: Eu sei Carol :) Ainda estou a decidir se meto ou não o meu link lá :p

    ResponderEliminar
  4. gostei tanto de visitar esse museu <3 adorei o andar com as peças do japão ^^

    ResponderEliminar
  5. Esse será a segunda paragem do primeiro dia! Isto, claro, se tudo correr bem :)
    Fotografias maravilhosas, querida Carolina!

    Sara Cabido | Little Tiny Pieces of Me

    ResponderEliminar