Thirteen

LONDRES, INGLATERRA | Science Museum

O Museu da Ciência foi uma das nossas escolhas para quinta-feira. Entre astronautas, modelos de carros, experiências, mísseis, objectos dos anos oitenta e noventa e muita História Mundial, chegámos à conclusão que o Gui não pode construir uma nave (porque ou explode ou não aterra em Marte em condições) e que os alimentos comidos no espaço não têm lá grande aspecto.

Para nossa surpresa conseguimos passar por todos os pisos do museu, observar todas as exposições gratuitas e jogar nos computadores que iam aparecendo ao longo das salas temáticas. O Museu da Ciência é gratuito mas, à porta, perguntam-vos se querem fazer uma doação. Não é obrigatória mesmo que pareça que sim. Os interessados poderão visitar este espaço todos os dias das 10h00 às 19h00 e descobrir mais sobre o Espaço, o Corpo Humano, a Engenharia Mecânica e muito mais.












8 comentários:

  1. Eu este ano tive de fazer protocolo de segurança alimentar para comida espacial, acho que ia adorar ver isso agora com esta bagagem toda :b

    ResponderEliminar
  2. A este ainda não fui, mas na próxima vez que vá a Londres quero visitá-lo!

    ResponderEliminar
  3. Nice blog!


    http://kissthestarsblog.blogspot.ro/

    ResponderEliminar
  4. Parece mesmo interessante adorei as fotos!

    ResponderEliminar
  5. Esse museu parece ser super interessante!!! Acho que só por este post fiquei com curiosidade de o visitar! :)

    ResponderEliminar
  6. Parece ser muito interessante, ainda por cima, sendo de graça

    ResponderEliminar
  7. Ahhhhhhhh agora que tenho tudo planeado posso vir aqui, "pessoalmente", agradecer-te todos os teus comentários e sugestões! Não sabes (nem imaginas) o quão úteis foram e o quanto me inspiraram! Ainda bem que vos pedi conselhos a tempo de acertar algumas coisas na viagem! Por isso, agradeço-te!

    Agora em resposta a alguns dos comentários, vou começar por concordar em discordar contigo *hihi*

    É que, para mim, "férias" é uma viagem às ilhas ou apenas ao algarve; é dormir até tarde, não fazer ri-go-ro-sa-men-te nada, é estar à beira mar, de papo para o ar, a fazer "nada desta bida". Por isso nunca encaro estas viagens culturais como férias. Até venho bastante exausta depois de uns dias lá fora. Seja em Paris, Madrid, Milão, Roma...ou até mesmo Sevilha, Salamanca, uma simples ida à Madeira (lamento mas é tudo o que conheço :$) para mim são sempre cansativas.

    Mas, lá está, quem corre por gosto não cansa!

    E eu adoro correr as capitais, as cidades, as ruas e ruelas, todos os recantos e encantos dos sítios que conheço. Nasci numa família de artistas, entre pintores, desenhadores, arquitectos e agora eu, designer, por isso faço sempre questão de ver todos os símbolos da cidade, sejam praças, museus, casas, feiras, etc.

    Desta vez que vou a Londres, pela primeira vez, faço questão de saber aproveitar o tempo o melhor possível. Sei que são só quatro dias por isso apenas seleccionei alguns museus. Das 25 sugestões do guia, por exemplo, apenas achei plausível visitar 6. E sei que são poucos, mas sei que os vou ver de coração, com tempo, com calma. Sei também que o tempo passa a correr, que vou andar imenso, que vou chegar exausta ao hotel. Por isso sinto-me sempre mais confortável em planear a minha visita por zonas. No primeiro dia vejo a zona do Museu de Ciência, V&A, etc., depois hotel. No segundo deixei uma outra zona para visitar, no terceiro e quarto idem. O que acontece normalmente (que é o que tem acontecido nas outras viagens) é que aquilo que ia fazer no 2º acabo por fazer no 4º, o que estava planeado para o 1º fica para o 3º e é assim que acontece. Ou porque um dia está a chover então é melhor ficar nos museus e deixar os mercados para o outro, que está sol...enfim!, sou flexível a imprevistos e não me chateiam nada essas alterações.

    Mas não consigo, de todo, ir para Londres sem saber o que quero ver e fazer. É que aí acabava por pagar uma viagem que não iria satisfazer as minhas necessidades e curiosidades!

    Em relação ao cartão de saúde europeu (que dica IMPORTANTÍSSIMA e eu nunca me tinha lembrado disso!) esperemos mesmo que não seja necessário :s é que já não fui a tempo!

    Agora quando voltar, logo direi se este meu planeamente serviu para alguma coisa ou se bateu tudo ao lado *hihi*

    Um beijinho enorme e, mais uma vez, obrigada Carolina

    Sara Cabido | Little Tiny Pieces of Me

    ResponderEliminar