Thirteen

DESAFIO | Deixa as Palavras Voarem: Sonhos

Gosto de sonhar com os pés bem assentes na Terra. De evitar desilusões. Gosto de desejar com muita força e sem hesitações mas sempre enquanto traço o meu próprio caminho até à meta. Os meus sonhos são grandes, muito maiores do que eu. São do tamanho do mundo. E raramente são exteriorizados. Porque são meus. E se os partilho numa conversa mais íntima debaixo das estrelas ou num passeio de fim de semana entre risos e raios de sol significa que colocaria a minha vida nas mãos de quem me ouve sem hesitações ou receios. 

Os sonhos movem o mundo. Pequenos, grandes, cor-de-rosa, azuis, individuais ou partilhados. Os sonhos são mais do que sonhos. São pedaços de nós próprios. Vontades. Objectivos. E talvez por isso seja tão difícil para mim partilhá-los. Sonho com viagens, com aviões, com malas, com fotografias que matam saudades, com álbuns e com textos bonitos. Sonho com risos, abraços, dias preenchidos e conversas. Sonho com coisas que quero manter. Sonho com regressos e relógios parados, com outras culturas, com amizades novas, com realizações profissionais, com aprendizagens inegáveis. E sonho todos os dias, com a cabeça nas nuvens e os pés bem assentes no chão que piso. Mas esses sonhos são meus e eu não os partilho com o mundo até os concretizar a todos. Um por um.

Tumblr

[esta publicação está inserida no desafio "Deixa as Palavras Voarem" da Adelisa M.]

3 comentários:

  1. Mais importante ainda: nunca pares de sonhar!

    ResponderEliminar
  2. Quanto mais secretos os sonhos são, mais nossos acabam por ser. Acho que é assim em tudo.
    Espero que os realizes a todos :)

    ResponderEliminar
  3. E espero que um dia consigas concretizar cada um dos teus sonhos :) Obrigada pela tua participação.

    ResponderEliminar