FOTOGRAFIA | Sé de Braga

O meu curso ensina-me a passear pelas ruas com olhos mais críticos e pensamentos mais focados. E isso vale ouro para mim, não só porque me dá uma visão nova sobre o mundo e os locais que conheço desde sempre mas também porque me leva a evoluir em termos fotográficos.

Nesse sentido, quando o professor de Turismo Cultural e Religioso nos disse que iríamos visitar a famosa Sé de Braga durante a aula desta semana, eu achei que a Matilde também devia acompanhar-nos. Porque a Sé de Braga é imponente, marcante, cativante e inegavelmente artística. Porque a Sé de Braga faz as delícias de qualquer apaixonado por fotografia, história, religião ou arte. Porque é um mundo de detalhes e de significados. E ainda que eu ache que as obras no Tesouro-Museu ficaram um pouco aquém do resto - porque tentaram (e conseguiram) modernizar algo que também era interessante pela sua arquitectura típica -, a visita não podia ter sido melhor. Tivemos a oportunidade de regressar às capelas, ao museu e à catedral principal com a vantagem de sermos guiados por um professor que sabe do que fala e o resultado traduziu-se no conjunto de observações específicas que treinam o nosso olhar para detalhes que provavelmente passariam despercebidos doutra forma.







8 comentários:

  1. Cinco estrelas, Carolina! :) Tenho pena de não ter o flash na minha máquina analógica. Já entrei em igrejas/sés para fotografar, mas devido à pouca luz, nem sequer arrisquei tirar fotos.

    ResponderEliminar
  2. Que saudades de Braga que me deste! **

    ResponderEliminar
  3. É lindíssima a nossa Sé :) Não me canso de a visitar!

    ResponderEliminar
  4. Fotos lindíssimas :) que vontade de visitar Braga!

    ResponderEliminar
  5. É lindíssima, a minha família é de Braga e não sei como nunca lá fui, é uma maravilha mesmo então a zona do órgão...
    Beijinho grande ♡

    ResponderEliminar
  6. Gosto tanto, da última vez que estive em Braga só fui ao Bom Jesus, nem passeei pelas ruas nem nada, foi uma pena, era uma cidade que adorava conhecer melhor e com certeza que a sé ficava no caminho :)

    ResponderEliminar