Thirteen

PUBLICIDADE | O Anúncio da Second Love

Trair está na moda e deixa de ser algo reprovável. Ou não. Mas é isso que os negócios que se baseiam nessa máxima tentam vender: atenção extra e um possível segundo amor. Para mim - e chamem-me avózinha se é isso que pensam que sou - é só ridículo que se promova, em pleno horário nobre, uma plataforma que publicita os casos extra-conjugais como se isso fosse aceitável e passível de apoio.

Existem alguns métodos publicitários que me fazem confusão e este é, sem qualquer dúvida, um deles. O amor é um sentimento muito forte e achar que pode haver um segundo capaz de coexistir com o primeiro é ilusório. Não se ama duas pessoas ao mesmo tempo e só por isso o nome da plataforma está errada. A plataforma Second Love não vende amor. Vende adrenalina, facadas, novidade, fugas deploráveis na rotina e problemas camuflados de palmadinhas nas costas. Absurdo.

A traição é, provavelmente, a única coisa que eu sei que não perdoaria. E acho que a minha reacção seria ainda pior se soubesse que a pessoa que tenho ao meu lado foi cobarde ao ponto de procurar um relacionamento a mais na internet porque lhe apeteceu trair-me e não conseguiu encontrar ninguém mais interessante no círculo de amigos, conhecidos ou colegas de trabalho.

Fotógrafa registra momentos íntimos de casais apaixonados | Estilo

17 comentários:

  1. Acabei de ver esse anúncio na televisão. E acho ridículo promoverem tal coisa. Essas pessoas não devem ter reparado que estão a apoiar mentiras e a destruição de lares.

    ResponderEliminar
  2. ainda não vi o anúncio, tenho de ver. que estúpido :/

    ResponderEliminar
  3. Estou completamente de acordo. É ridículo promoverem este tipo de coisas!

    ResponderEliminar
  4. tenho exactamente a mesma opinião que tu. sei que mesmo que tentasse, não seria capaz de perdoar uma traição, porque para mim estar numa relação em que não confio no meu parceiro não é sequer uma opção.

    ResponderEliminar
  5. Não podia estar mais de acordo! x

    ResponderEliminar
  6. E já ouviste o slogan? "Flirtar não é só para solteiros". Ridículo, até dói pensar eu há pessoas que adirem a este tipo de plataformas.

    ResponderEliminar
  7. Tiraste-me as palavras da boca. Nada tenho contra a poligamia como estilo de vida porque existem pessoas felizes assim, e desde que haja consentimento de todas as partes envolvidas, porreiro. Agora, essa plataforma está a ser direccionada para casais não praticantes de poligamia e isso aí já é um mercado completamente diferente.

    Agora quando li o título até pensei que era uma nova série de televisão para acompanhar a que dá no AXN se não me engano, intitulada "Infiéis". Haja um bocadinho de paciência.

    ResponderEliminar
  8. Não podia estar mais de acordo? No outro dia ainda falamos disso numa aula minha. Sabes que há um site bastante conhecido "Ashley Madison" que promove a traição entre casais casados?! É tão ridículo!!

    ResponderEliminar
  9. Ainda não vi esse anúncio mas vi os outros dessa plataforma e achei ridiculo, completamente. Concordo com tudo o que disseste! E do lado de quem já foi traída por impulso, a premeditação que essa plataforma vende é capaz de tornar o ato ainda mais deplorável!

    ResponderEliminar
  10. Concordo tanto contigo. Já há uns tempos para cá andava a pensar neste assunto, principalmente porque me deparei com séries cuja história se baseia apenas em traições. E agora um anúncio.. Enfim, nem dá vontade de ver!

    ResponderEliminar
  11. Ainda não vi esse anúncio, mas estou de acordo contigo. As traições fazem-me imensa confusão e nunca conseguiria perdoar uma. E fico surpreendida por haver publicidade acerca disso. Onde estão a moral e os bons costumes?

    ResponderEliminar
  12. Não vi o anúncio mas fogo... a sério que há publicidade a isto na televisão? Meu deus!

    ResponderEliminar
  13. pensei mesmo isso, obrigada por escreveres aquilo que eu acho, melhor que eu faria! opá, é ridículo esta situação de promoção de traição, ridículo e triste.

    ResponderEliminar
  14. A sério? Ando tão desligada da televisão que ainda não reparei no anuncio. Quanto ao teu comentário do mesmo, não podia concordar mais. Acho deplorável publicitarem algo do género.

    ResponderEliminar
  15. Não conheço o anúncio mas concordo com tudo o que dizes.

    ResponderEliminar
  16. Não conheço o anúncio mas se há coisa que reprovo também é a traição. Que tem como consequência tudo o que enumeras-te ali em cima... Não era capaz de perdoar.

    ResponderEliminar
  17. Concordo contigo. Como assim alguém teve a brilhante ideia de criar algo do género?! Ou ainda pior, como assim existem pessoas que "participam" nisso?!

    ResponderEliminar