TEMPO DE ANTENA | Ensino Superior: Novas Tecnologias da Comunicação

"Quando cheguei ao 9º ano começou a minha grande indecisão e foi aí que mergulhei numa pesquisa sobre cursos no Ensino Superior. Apesar de nessa época querer Psicologia, não conseguia deixar a minha matemática para trás e optei por Ciências e Tecnologias. Durante os quatro anos seguintes pesquisei muito e encontrei vários cursos que me agradaram, mas com o tempo, deixava de me ver naquela profissão. Até que descobri o meu curso: Novas Tecnologias da Comunicação. 

O curso existe apenas na Universidade de Aveiro e não consegui encontrar muita informação sobre ele: fui um pouco “às cegas”, tal como a maioria dos meus colegas. O plano de estudos não nos informa o suficiente sobre o que vamos encontrar lá. Se em cadeiras como Movimentos Artísticos Contemporâneos e Teorias da Comunicação podemos prever um pouco o que serão, quando nos falam em Laboratórios Multimédia, que nos acompanham durante 5 semestres, ficamos a pensar "mas que raio se aprende aí? ". 

No primeiro semestre temos as cadeiras acima referidas, Expressões da Lusofonia e Imagem Digital Dinâmica. As cadeiras mais práticas são mesmo Laboratório Multimédia 1 e Imagem Digital Dinâmica em que aprendemos, na primeira, a trabalhar com programas de som e o Adobe Flash e na segunda, a fotografar e a trabalhar com o Adobe Photoshop e o Adobe Illustrator. No segundo semestre temos Semiótica da Comunicação, Guionismo, Sonorização para Multimédia, Imagem Digital Dinâmica e Laboratório Multimédia 2, sendo leccionado nas duas ultimas vídeo e sua pré e pós produção e Htlm, Css e bases de JavaScript, respectivamente. 

Uma das coisas que mais gostei no curso foi o ambiente. Existe uma grande interajuda entre todos e os mais velhos estão sempre dispostos a ajudar os mais novos a resolver aquele problema com o programa X. Quanto aos professores, estão sempre disponíveis para tirar duvidas, sendo alguns deles ex-estudantes do curso. Outra das coisas que gostei no curso foi o método de avaliação da maioria das cadeiras: são feitos testes durante o ano e no fim do semestre temos um projecto ou um relatório a entregar. Quanto à Universidade, o campus é enorme e muito bonito, estando todos os departamentos juntos excepto as Escolas Superiores. Quanto à cidade, Aveiro é muito acolhedora e com um espirito académico muito bom. 

Falando de praxe, a Faina Académica de Aveiro é totalmente relacionada com a cidade. Os padrinhos/madrinhas são patrões e patroas, não somos caloiros mas sim aluviões e tudo o resto tem denominações diferentes. Temos um Código de Faina (Código de Praxe) muito regulamentado e não és posto de parte se não participares na praxe. Se estás a pensar seguir este curso, não hesites e vem. Acredita que NTC te vai receber de braços abertos."


Patrícia, Aluna do Primeiro Ano na Licenciatura de Novas Tecnologias da Comunicação na Universidade de Aveiro.

[Se tiverem dúvidas ou questões podem deixá-las na caixa de comentários. A Patrícia irá responder às vossas perguntas no mesmo espaço assim que possível.]

3 comentários:

  1. Passei agora para o 11º ano de artes visuais e estando nesta área sei perfeitamente que me encontro super limitada na questão do que seguir posteriormente aos meus 18 anos, afinal artes todos sabemos como é... Sinto que chegou a hora de fazer uma pesquisa dos cursos que existem, uma vez que artes é mesmo o que gosto. Fico feliz por tu estares no que gostas!
    Beijo.
    http://mariacrescida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Por acaso este curso parece ser muito parecido a Audiovisual e Multimédia na ESCS! :) Aconselho**

    ResponderEliminar
  3. tenho dois grandes amigos nesse curso! e eu também coloquei em 6ª opção e entrei (mas entrei tb na primeira, por isso não fui). tenho a certeza que vais adorar, eles adoram estudar na UA :)

    ResponderEliminar