COPENHAGA, DINAMARCA | O Bónus

Copenhaga foi uma das cidades que mais gostei de conhecer. Pela civilização dos dinamarqueses, pelas bicicletas adaptadas a todas as situações, pela organização da cidade e do trânsito, pelo canal que destacava as casas coloridas tão típicas em postais, pela surpresa de ver uma "Pequena Sereia" realmente pequena quando comparada com a ilusão que temos ao observá-la em fotografias, pelo Tivoli, pela montanha russa vermelha, pelo tuk-tuk e pela arquitectura. Copenhaga foi uma das viagens mais imprevisíveis que fiz e acho que foi por isso que gostei tanto dela. Visitei-a no Verão de 2011 e ainda hoje a recordo com o maior carinho, um brilho no olhar e um sorriso nos lábios.

Copenhaga foi a nossa primeira paragem antes de embarcarmos num Cruzeiro que começava ali ao lado, na Suécia. Foi uma cidade-bónus que nunca me tinha despertado particular curiosidade e que não estava nas viagens prioritárias mas, curiosamente, foi das cidades que mais gostei de conhecer e explorar. Pela surpresa, pelos edifícios, pela limpeza, pelas pessoas, pelo estilo de vida, pela descontração organizada, pelo idioma. Foi a cidade que mais gargalhadas nos arrancou em frente às máquinas de compras de bilhetes de comboio e foi a cidade que me permitiu iniciar com o pé direito uma viagem brilhante. Valeu a pena.

9 comentários:

  1. Quero muito visitar os países nórdicos, tenho um pequeno fascínio! :)

    ResponderEliminar
  2. Quero muito visitá-la, o meu pai comprou (quando regressou lá) uma fotografia emoldurada em panorama de um nascer do Sol em Copenhaga. Temos cá em casa e é uma visão extraordinária. Sempre que me cruzo com a foto fico com o bichinho de a visitar um dia :)

    ResponderEliminar
  3. É uma cidade que tenho muita vontade em conhecer *.*

    ResponderEliminar
  4. Nunca estive em Copenhaga mas adorava visitar. Sou fascinada pelos países escandinavos :)

    ResponderEliminar
  5. adorova tanto visitar copenhaga pelas razões que enumeraste :)

    ResponderEliminar