Thirteen

BLOGOSFERA | Carimbo de Qualidade #6

Se o Amor Não Existisse. Não comentei esta publicação mas, numa semana complicada, estas questões fizeram-me reflectir sobre um assunto menos académico e lógico. Será que procuraríamos o Amor se ele não existisse como nós o conhecemos? Será que nos limitaríamos ao Amor da família e dos amigos? Apesar de não ser uma publicação de opinião e apesar de não nos revelar a resposta da A, eu sinto que vai de encontro àquilo que eu defendo tantas vezes: precisamos de matemática e português mas também precisamos de nos questionar acerca destes temas. Para filtrarmos aquilo que é - ou não - essencial na nossa vida, para percebermos se a nossa definição de Amor é compatível com o Amor que recebemos realmente, para nos compreendermos um pouco melhor, para compreendermos as relações humanas, para sermos capazes de pensar sobre assuntos menos directos. Se o Amor não existisse, sentir-se-iam (in)completos?

O que vem aí.... Muita cor, muitos padrões, muita coisa gira. A colecção da Adidas foi apresentada esta semana à imprensa e os detalhes surgiram em alguns dos blogues que acompanho. De todos, destaco o Glimmer Le Blonde pelas fotografias e palavras bonitas que me convenceram um bocadinho mais do que o habitual. Para quem gosta da roupa de desporto que vai além do preto, do cinza e do azul escuro e para quem procura sapatilhas mais irreverentes e fora de vulgar, as novidades desta publicação poderão ser uma excelente aposta.

Este ano há mais desculpas para fotografar o Natal. Porque desafios fotográficos nunca são demais - especialmente se forem lançados numa versão natalícia - fica a proposta: #DesculpasDeNatal. Associam o nome ao desafio #DesculpasHáMuitas que durou alguns meses? A Raquel Caldevilla tem sempre boas ideias e num mês académico, difícil e atarefado para a maioria, que tal entrarmos no desafio? Que tal guardar uns minutinhos para fotografar o tema de cada dia, editar as fotografias e promover o espírito natalício pelas redes sociais?

Gutsy, a Hamburgueria de Carcavelos. Vamos falar de comida? Sítios giros com hambúrgueres deliciosos nunca são demais portanto a dica da Patrícia não podia ficar de fora nesta rubrica. Alguém conhece o Gutsy? Se este texto e estas fotografias não vos derem fome e/ou vontade de visitar o espaço em questão, então tenho de repensar a minha perspectiva perante o blogue.

Da Jalé com amor. Este blogue é a prova de que os blogues menos comerciais ainda existem. E este texto é a prova de que ainda há bons escritores na blogosfera. As pequeninas coisas da vida são as que me enchem o coração e, depois de ler esta mistura de sentimentos e detalhes bonitos, soube que estes parágrafos tinham de ser partilhados com mais gente. "Para mim a vida, no verdadeiro sentido da palavra, é este momento". E isso não podia ser descrito doutra forma.

3 comentários:

  1. Quando há um criador de confiança acho que ai vale a pena. Porque são vacinados não são criados em condições deploráveis. O meu namorado tinha um gato persa foi-lhes oferecido por um criador amigo da familia e o gato foi criado e viveu como um lord xD
    Depois vai tambem da vida das pessoas não se enfia um cão de grande porte num apartamento com a pessoa a sair as 8 e vir as 20h nem um chiuaua num monte alentejano ao relento. Tenho um vizinho que tem um pastor alentejano numa rampa. O cão não sai daquele espaço à 5 anos. E só é limpo a zona deles (são 3 cães) uma vez por semana. Pergunto-me como não se faz nada nesta rua. Mas é aquela coisa. Acho que já se chamou uma associação mas nunca aconteceu nada, Enfim...

    ResponderEliminar
  2. Já estou a participar no #desculpasdenatal!

    ResponderEliminar
  3. Comecei a ver que uma das fontes de tráfego do meu blog era o teu ahahah
    Só agora vi o post! Muito obrigada pelo carimbo de qualidade!
    Fico mesmo muito contente que tenhas gostado ao ponto de partilhar :)

    beijinho*
    The Brunette Lingerie

    ResponderEliminar