LISBOA, PORTUGAL | Parque das Nações

Esta é uma das zonas onde mais gosto de passear em Lisboa, sobretudo em dias de sol. Sinto que Lisboa é uma cidade onde as pessoas não aproveitam realmente os dias devido à azáfama do trânsito, das horas de ponta e dos transportes mas parece-me que a zona do Parque das Nações traz alguma calma e tranquilidade ao quotidiano apressado da maioria. E é óptimo!

As tradicionais bandeiras (que precisam desesperadamente de substituição), os bancos às riscas coloridas, a mascote da Expo 98' que todos conhecemos tão bem, a água calma do rio, a ponte Vasco da Gama lá ao fundo, os detalhes e esculturas ao longo do percurso, as famílias que se juntam para almoçar, as crianças que brincam ao sol, os adultos que praticam desporto ao ar livre... Lisboa tem encanto pela sua diversidade e a zona do Parque das Nações é diferente de todas as outras e incrível por isso mesmo. Apesar de não ter grande coisa para ver - turisticamente falando -, é uma área que não deixo de visitar. Ficam as fotografias:







11 comentários:

  1. O parque das nacoes é um dos meus sitioa preferidos para passear. Nao é grande atracao turistica mas é muito giro!

    ResponderEliminar
  2. Infelizmente não costumo ir lá muitas vezes, apesar de adorar o ambiente do local!

    ResponderEliminar
  3. É dos sítios que visito em Lisboa com mais frequência e ao ler esta publicação apercebi-me de que não aprecio tanto como gostaria a visitas constante que faço aí por duas razões: ter os minutos contados para lá estar, apanhar autocarro, etc, e o facto de já não ser uma "novidade" e por isso, infelizmente, passar-me um pouco ao lado.

    ResponderEliminar
  4. Também gosto e até ja tenho algumas saudades

    ResponderEliminar
  5. É um dos meus sítios favoritos. E sendo Lisboeta, claro que já vivi ai mil e um momentos felizes que contribuem para que goste ainda mais do sítio.

    ResponderEliminar
  6. Já não vou ao Parque das Nações há imenso tempo e quando estive em Lisboa em Agosto não tive a oportunidade de ir. Mas fica para uma próxima :)

    ResponderEliminar
  7. O talento para fotografar é de família, parece-me! :p Adorei o relato e as fotografias!
    Beijinho*

    ResponderEliminar