Thirteen

LISBOA, PORTUGAL | Tartine

Depois de tantas recomendações e fotografias bonitas - obrigada Inês, Inês e Sara -, o Tartine era um ponto de paragem obrigatório no nosso roteiro lisboeta. E não desiludiu. Este pequenino estabelecimento não aparece em guias turísticos - e passa despercebido aos olhos dos mais distraídos e apressados - mas vale completamente o tempo que perdemos entre bules, doces, conversas e torradinhas. 

O espaço rústico, as mesas em madeira no topo das escadas, os detalhes queridos, a ementa que nos deixa indecisos, o atendimento excelente, a ausência de confusão tão típica do Chiado, as montras de babar, os produtos confecionados com carinho, os sofás confortáveis, o ambiente acolhedor... No Tartine é tudo maravilhoso e a escolha do lanche - mesmo com a barriga a roncar - foi complicada. Acabámos por pedir um chá de menta - servido em copos com gelo para refrescar -, um croissant folhado (gigaaaaante!) com doce de morango e uma torrada de pão alemão. Arrependida? Nem pensar. Os preços não são os mais convidativos (não o são quando comparados com aquilo a que estou habituada, pelo menos) mas uma vez não são vezes e a qualidade também se paga, correcto? Recomendo.


8 comentários:

  1. Uma vez passei ao lado e estava fechado, mas haverão mais oportunidades!

    ResponderEliminar
  2. A tartine é dos melhores sitios em Lisboa para um lanche, adoro adoro! x

    ResponderEliminar
  3. Vivo em Lisboa mas por acaso nunca fui aqui!!! Sou capaz de experimentar!! Grande blog, gostei muito (:
    Grande beijinho,
    Madalena

    www.maadalenaaa.blogspot.com

    ResponderEliminar