CINEMA | The Revenant [2015]

"The Revenant" é um filme tão horrível, cru e intenso que acaba por ser fantástico, incrível e marcante. Acredito que tenha sido uma das melhores produções cinematográficas do ano passado e compreendo agora todo o burburinho que acabou por envolver tanto o seu realizador como o seu protagonista (algo me diz que é desta que o DiCaprio arrecada o Oscar!).

O filme não tem um argumento complexo ou confuso. De todo. Insere-se até num estilo que não costumo aplaudir e, como se não fosse suficiente, não é uma obra fácil de digerir. Mas converge em si a fórmula perfeita - uma fotografia de babar, uma história de sobrevivência, superação e vingança, um conjunto infinito de paisagens fabulosas, um leque de personagens maduras e uma música que ajuda a construir com intensidade grande parte das emoções que vamos experimentando ao longo das duas horas e meia de filme - e não deixa ninguém indiferente. "The Revenant" incomodou-me do início ao fim. Não pelas mortes humanas ou sangue a jorrar mas por todas as emoções ambíguas que despoletou em mim, pela crueldade de várias cenas e pela sensação de coração preso, impotência e respiração pesada. E isso é bom! A imagem, a música, os actores, os detalhes, os sussurros, a linguagem... O filme funciona como um todo e resulta magnificamente bem.

A sala de cinema em pleno Dia dos Namorados não estava cheia mas, para além da ausência de conversas durante o filme, ninguém se mexeu quando o ecrã ficou negro. As luzes acenderam e ninguém se levantou. Ficámos todos ali, em silêncio, estupefactos. E se isso não significa que o filme é realmente fascinante, então não conheço os critérios para tal elogio. Para mim, ir ao cinema ainda é um privilégio - porque não é algo que tenha disponibilidade para fazer regularmente - e sinto que esta obra vale cada cêntimo. Aliás, digo-vos mais: se puderem, vejam "The Revenant" no cinema. Há muito tempo que um filme não me marcava tanto e, agora sim, compreendo todas as críticas e nomeações. É um candidato exímio aos Prémios da Academia.

12 comentários:

  1. Eu tenho imenso medo de ver esse filme que está, visuaolmente, muitoooo intenso, com muito sangue e animais mortos :(

    ResponderEliminar
  2. Nao podias descrever melhor o que senti com este filme. Não tinha muita curiosidade, mas depois de tantas opiniões (e tão diferentes) decidi vê-lo! Eu sou um bocadinho frágil ao ver sangue e nunca tinha ficado tão mal-disposta como fiquei com este filme! Não comsegui, sequer, comer depois! Mas, sinceramente, é um filme digno de oscars e o DiCaprio está mesmo de parabéns!

    ResponderEliminar
  3. Subscrevo cada palavra tua! A sensação de vazio quando o filme acabou foi qualquer coisa de fantástico - o DiCaprio é um actor "do caraças" mesmo. Mas a fotografia, a realização, toda a montagem, também estão geniais. Sem dúvida, há filmes em que o argumento não é genial, e este é um deles, mas tudo o resto compensa e muito - aliás, sinto até que se o enredo fosse algo mais complexo tornaria o filme pesado demais. Assim está no ponto. É mesmo um daqueles filmes que tem que ser visto numa sala de cinema!

    Jiji

    * GIVEAWAY - Ganha um conjunto de Colar + Pulseira + 3 anéis da Coolares *

    ResponderEliminar
  4. geralmente não aprecio esse tipo de filmes, mas com uma crítica tão positiva como esta, fiquei com curiosidade!

    ResponderEliminar
  5. A tua primeira frase resume tudo o que pensei depois de ver o filme. Demorei até perceber se tinha gostado ou não, fiquei a remoer bastante - até que cheguei à conclusão que sim, tinha adorado. Apesar de não ter muito argumento, de ser uma história aparentemente simples, a intensidade do filme, a fotografia e a belíssima performance do DiCaprio resultaram em algo fabuloso. E na minha sessão aconteceu o mesmo - depois daquele intenso olhar do DiCaprio que foi simplesmente o fim mais genial que podiam ter arranjado, as luzes acenderam-se e a sala não se mexeu durante uns bons segundos.

    ResponderEliminar
  6. O filme é brutal e os atores são fenomenais :) Também gostei bastante, mas depois de ver o Danish Girl tenho as minhas dúvidas que o DiCaprio ganhe o Óscar, o Eddie Redmayne fez um senhor papel

    ResponderEliminar
  7. Tenho mesmo que ver este filme! :p O Eddie portou-se muito bem em The Danish Girl, é um facto. Porém, como já ganhou um oscar recentemente e como o pobre Leo já merece, é muito provável que o oscar vá mesmo para o DiCaprio! (:
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  8. Era p ver este filme no domingo mas só por "azar" nesse dia não estava em exibição (sei lá porquê). Quero ver se ainda passo la outro dia para o ver mas se não vai mesmo ser visto em casa :p
    http://omeumundoaleatorio.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Quero mesmo ver este filme! :) hoje também me falaram super bem dele, porém disseram que têm dúvidas em relação ao Óscar do DiCaprio x)

    ResponderEliminar
  10. Tenho mesmo, mesmo que ver esse filme. O meu irmão foi ontem ao cinema e diz que adorou.

    ResponderEliminar
  11. Concordo a 200%! Adorei o filme. É de uma brutalidade imensa. Fiquei vidrada na fotografia do início ao fim. Ainda se conseguem produzir obras primas, e acho que esta é uma delas.

    ResponderEliminar