Thirteen

O mundo divide-se entre as pessoas que julgam os livros pela capa (literalmente) e as que não a valorizam.

5 comentários:

  1. Eu confesso que julgo um pouco os livros pela capa. Um livro que tenha uma capa linda é logo um grande passo para eu o comprar. Mas se a sinopse do livro não me cativar, não há capa de livro que me convença a comprá-lo.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  2. Eu julgo imenso os livros pela capa x)

    ResponderEliminar
  3. Valorizo uma boa capa, mas para mim não é factor determinante na hora de escolher um livro.

    ResponderEliminar
  4. Quando numa livraria, em frente ao montão de livros que esta dispõe, devo admitir que começo por procurar os que têm capaz mais apelativas... caso goste de uma capa, passo à leitura do resumo e das primeiras páginas. É verdade que, por várias vezes, perco horas nisto, porque acabo por me desapontar ou, então, o livro não me cativa. Assim, desisto deste método e passo à procura de títulos indiscutivelmente bons, chamativos e arrasadores! Aplicando de seguida a leitura como referi acima.
    É... acabei de me aperceber que perco muito tempo nesta história toda :D

    ResponderEliminar
  5. Para mim, tanto faz, para ser sincera. Por muito que eu deseje uma estante repleta de cópias bonitas, dou mais importância ao valor simbólico que os livros representam, assim como às histórias que já explorei e ainda desejo vir a explorar. Contudo, não nego que me deixo levar por edições magníficas e que, com certeza, influenciam na hora da compra! :D É como um calcanhar de Aquiles que funciona de vez em quando, eheheh.

    LYNE

    ResponderEliminar