SWEET CAROLINE | A Viver Genuinamente

O meu maior medo antes de começar a trabalhar a tempo inteiro era não ser capaz de gerir o meu tempo ao ponto de não aproveitar tudo o que a vida me proporciona para além dos momentos de trabalho. 

Sempre fui bastante organizada e o meu tempo sempre chegou para tudo mas, quando comecei a trabalhar, percebi que ia ser muito complicado desligar do trabalho nas minhas horas livres. Faço gestão de redes sociais - entre outras coisas - e adoro o meu trabalho mas não posso deixar de lado as minhas responsabilidades profissionais apenas porque estou de fim-de-semana. Há mensagens que precisam de resposta, dúvidas que exigem um esclarecimento, compras que carecem de assistência. A minha ausência poderia significar uma descida nas vendas e eu não me sentiria bem a contribuir para tal consequência.

Criar um equilíbrio entre os momentos de trabalho e os momentos de lazer não foi fácil mas, com o tempo e os horários, aprendi a estabelecer regras que me permitem viver verdadeiramente o momento sem nunca descurar o trabalho ou as minhas responsabilidades.

Hoje, apesar de tudo o que tem acontecido, estou em paz comigo mesma e sinto que aproveito os meus finais de dia e as minhas folgas da melhor forma possível. Voltei a ter tempo para tudo. Para passear, para escrever, para fotografar, para cuidar de mim, para conhecer lugares novos, para fazer sestas no fim do almoço, para ir tomar café, para acordar mais tarde, para pôr a conversa em dia, para aproveitar o sol, a brisa e a sombra, para explorar a minha cidade (e outras também). Neste momento, eu sinto-me em paz com a forma como ocupo o meu tempo e isso, sinceramente, é impagável.

3 comentários:

  1. Realmente fazer um balanço entre q vida pessoal e o trabalho no teu emprego deve ser bastante difícil. Nota-se que trabalhas imenso! Mas fico feliz por teres conseguido encontrar o equilíbrio e conseguires aproveitar a vida :).
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  2. Para tudo há um tempo determinado, assim disse um antigo sábio, bjs

    ResponderEliminar
  3. Que lindo! Carol, tranquiliza-me bastante ler isto, porque, incrivelmente, me preocupo contigo... ultimamente, acho que andas mais em baixo e ler algo assim tão positivo deixou-me com um sorriso muito grande na cara.
    Porém, por favor, lembra-te sempre que não tens de conseguir tudo sozinha... é bom que tenhas percebido o teu tempo e os teus afazeres com introspecção e experiência, mas não te esqueças de te rodear pelos outros e não ter medo de dizer «ajuda-me!». A mim podes dizer-mo. E, mal posso esperar que, nos teus momentos de lazer, incluamos um cafezinho muito nosso!

    ResponderEliminar