SAÚDE | Hospital de Braga

O meu tio está internado há duas semanas e meia no Hospital de Braga. Não tem sido fácil - para dizer a verdade, tem sido absolutamente fatigante e doloroso para todos - mas se há coisa que me tranquiliza (dentro do possível, como devem imaginar), é saber que ele está rodeado por profissionais de excelência e que está a ser bem tratado. 

O meu tio está a passar uma fase muito complicada mas, no meio de todas as dores, febres e medicações fortíssimas que o deixam exausto e confuso, tem uma equipa extremamente competente a cuidar dele, a verificar o seu estado várias vezes por dia, a garantir que ele está hidratado e, muito importante também, a informar-nos sempre do que se passa. Visito-o (quase) diariamente e saber que se preocupam realmente com ele - e que não o vêem apenas como mais um doente a passar por aquelas camas - é algo que, de certa forma, me descansa.

Ele tem companhia durante todo o dia mas nem todos os pacientes internados têm a mesma sorte e, em todos os casos, mais do que ter alguém a passar receitas e a levar a medicação ao quarto, é importante que o lado humano não se perca. Estamos a falar de pessoas e não de números. E ver que qualquer médico, enfermeiro ou auxiliar trata o meu tio pelo nome, conversa com ele um bocadinho e tenta perceber como ele passou o dia (ou as últimas horas) dá-me uma segurança maior. Estou aterrorizada com toda a situação, claro que sim, mas ele tem boas mãos a cuidar dele e isso, sem dúvida alguma, merece ser valorizado.

Obrigada - de coração - à equipa do serviço de oncologia que, dentro do que podem fazer, mantêm o meu tio minimamente confortável e puxam por ele como nós, enquanto família, também fazemos. 

8 comentários:

  1. Este tipo de situações são sempre muito complicadas mas sem dúvida que quando existe uma boa equipa de médicos/enfermeiros/auxiliares/voluntários a acompanhar o alento é outro. Com a quantidade de pessoas arrogantes que se encontram em meios hospitalares (cada vez ouço mais relatos sobre isso), o teu tio no meio do azar da vida teve a sua sorte porque não há nada melhor do que ter quem se preocupe e cuide dele com muito carinho.
    Para ti e para toda a tua família resta-me desejar muita força!
    Beijo grande, Carolina

    ResponderEliminar
  2. Ter um familiar doente é muito complicado, sobretudo quando é tão chegado a nós. Neste tipo de situações, uma boa equipa de profissionais é essencial. Eu estagiei no serviço de Oncologia e, posso garantir-te, o teu tio está em boas mãos, existe aí uma excelente equipa de profissionais, que tenho a certeza que está a cuidar muito bem dele e, sobretudo, com todo o coração e muito carinho.
    Muita força, para ti e para a tua família. Sei que não nos conhecemos pessoalmente, mas se precisares de de alguma coisa ou de falar, estou à distância de um clique :).
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  3. Espero que o teu tio melhore rapidamente. Muita força!

    ResponderEliminar
  4. Espero, sinceramente, que tudo corra bem com o teu tio e que ele melhore rapidamente. Muita, muita força! beijinho, Carolina :)

    ResponderEliminar
  5. Infelizmente, não é assim em todos os hospitais e eu cada vez mais acho que o nosso SNS precisava de uma reforma pensada e séria. Há hospitais em que as condições são muito más, em que és apenas um número, tal como dizes. E a partir de uma certa idade, pouco querem saber de ti.
    Ainda bem que em Braga não acontece. As melhoras para o teu tio e força para ti!

    ResponderEliminar
  6. As melhoras para o teu tio! Muita força! Beijinho grande :)

    ResponderEliminar
  7. Carol, nunca arranjo palavras suficientes ou boas para dizer a uma família que se encontra nesta situação, porém, fico absolutamente descansada que o teu tio esteja a ser tão bem tratado e que não seja apenas mais um no hospital. Espero mesmo que continue a ser assim e que essa ajuda e apoio não cesse.
    É, também, mesmo bonito da tua parte que o visites quase diariamente. Ter a família por perto é uma dádiva nestas situações e, de certo, o teu tio valoriza e aprecia muito isso.
    Muita força e amizade para a tua família.
    Beijinhos carinhosos,
    Joaninha.

    ResponderEliminar
  8. Carolina, as melhoras do teu tio ^^ As equipas dos serviços hospitalares são importantíssimas para o doente e para a família é importante bons médicos mas no dia à dia enfermeiros e auxiliares atenciosos, compreensivo e profissionalmente capazes fazem toda a diferença e aquecem um bocadinho o coração. Tão bom saber que o teu tio esta a ser acompanhada por uma equipa espectacular!!
    Eu sei perfeitamente o que é ter alguém que adoramos nos hospital a lutar diariamente e ter de ser forte, estar bem para outra pessoa enquanto toda a situação também é complicada para nós. Mas a tua presença e apoio faz certamente toda a diferença ^^ Beijinho!

    ResponderEliminar