Thirteen

LOURINHÃ, PORTUGAL | Museu da Lourinhã

Quando era mais nova visitei várias vezes o Museu da Lourinhã. Na altura ainda podíamos mexer nos ossos de dinossauros à vontade e tinham acabado de descobrir ossos fossilizados por isso ainda estavam a trabalhar neles (os arqueólogos trabalhavam ali mesmo, no Museu, para toda a gente ver, e iam explicando o que tinham encontrado e o que estavam a fazer). Hoje, os fósseis estão mais protegidos e os cuidados são diferentes mas a essência do Museu permanece. Não é por acaso que a Lourinhã se autodenomina de "Capital dos Dinossauros".

O Museu da Lourinhã abrange três áreas temáticas - Arqueologia, Etnografia e Paleontologia - e a visita começa na parte dedicada ao passado da Humanidade, onde encontramos peças que ilustram diferentes períodos da História (Paleolítico, Mesolítico, Neolítico, Cacolítico...) e ainda algumas que nos fazem viajar até à época Romana e à Idade Média. 

Depois, uma viagem até a um passado não muito antigo leva-nos a descobrir as ocupações economicamente dominantes nos dois últimos séculos, a casinha tradicional (não tão antiga assim - a minha mãe e os meus tios viveram numa muito semelhante) e algumas peças de arte sacra. Os brinquedos de outros tempos que trazem recordações aos nossos pais, as máquinas fotográficas antigas e as profissões que caíram em desuso estão representadas na segunda secção do Museu da Lourinhã e é fantástico descobrir os pormenores e ouvir as histórias de quem nos acompanha (visitem este Museu com os vossos pais e/ou avós, se puderem).

Por fim, a exposição de Paleontologia. Na Lourinhã - e neste museu em particular - encontramos a maior exposição ibérica de fósseis de dinossauros do Jurássico Superior. Ninhos com ovos, ossos, pegadas... se gostam tanto de dinossauros como eu, este é um local a visitar sem falta, independentemente da vossa idade. Segundo as notícias que têm surgido, em Outubro deste ano a coleção sairá do Museu e, em Abril de 2018, passará a fazer parte do Dinopark da Lourinhã.













1 comentário:

  1. Há tanto tempo que já não visito este museu. Fiquei cheia de vontade!

    ResponderEliminar