Thirteen

ATUALIDADE | Salvamento ou Mamilo: Qual Noticiar?

Durante a sua estadia no Havai, Heidi Klum salvou a vida do filho e da ama que foram surpreendidos por uma onda. No entanto, durante este ato de coragem (e desespero, acredito), o biquíni da super-modelo saiu do sítio e o mamilo de Heidi acabou por ficar à vista. E se houve meios de comunicação que partilharam a notícia como ela deve ser abordada - "Heidi Klum salva duas vidas" - também houve outros (muitos) que preferiram focar-se nas mamas da modelo. Afinal, não importa se Heidi Klum salva duas vidas quando não teve o cuidado de se besuntar com super-cola antes de vestir a roupa de praia, certo?

Custa-me a crer que o destaque da notícia vá para o mamilo que não ficou tapado. Uma mulher - que podia ser outra qualquer, que não tinha de ser alguém com milhões de fãs, que podia ser um homem, que podia ser uma criança - salvou duas vidas! Não deveria ser esse o foco? A notícia partilhada por muitos meios de comunicação (que optaram por usar a verdadeira notícia como um detalhe) só vem provar que a mulher ainda é vista como um objeto. Estamos em 2017 - quase 2018! - mas o que importa para muitos jornalistas são as mamas que não ficam dentro do biquíni enquanto se salva um filho. Quão ridículo é?

6 comentários:

  1. É incrível como se usam esses detalhes para noticiar algo que não importância e o que realmente têm fica para segundo lugar. O salvamento das duas vidas é que era o importante! O resto é mais do que normal acontecer e, tal como dizes, poderia ter acontecido a qualquer um de nós.

    ResponderEliminar
  2. É absolutamente nojenta a forma como a comunicação social fala das mulheres e isso é um facto geral que infelizmente tem nesta notícia apenas mais um exemplo.

    ResponderEliminar
  3. Demasiado ridículo e demasiado assustador!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. E eu ainda fico chocada com isto. As pessoas não têm limites e isso é mesmo triste. Uma boa acção é completamente esquecida, por a pessoa em questão ser super-modelo e ter o mamilo à mostra. Isto é muito triste. Ainda por cima, o momento de desesperp que já deve ter sido e ainda ter de lidar com isto?
    Aí vida...

    ResponderEliminar
  5. Se fosse um homem não se focariam no seu corpo, independentemente do que ficasse à mostra. Somos constantemente objectificadas e sexualizadas para que as nossas acções sejam automaticamente anuladas, até porque não interessa a uma sociedade machista e patriarcal que uma mulher seja alguma coisa para além do seu físico.

    ResponderEliminar
  6. Eu desconhecia a notícia, mas é um verdadeiro absurdo e um atentado a forma como, de facto, esses meios de comunicação se preocuparam mais a denunciar o mamilo. Realmente é mesmo isso que preocupa na altura de salvar alguém, a nossa imagem.. Enfim.. esperemos que as coisas comecem a mudar

    ResponderEliminar