Thirteen

BERLIM, ALEMANHA | Berliner Mauer

O Muro de Berlim - "Berliner Mauer" - foi construído durante a Guerra Fria e simbolizava a divisão do mundo em duas partes: 1) a República Federal Alemã, capitalista, e a República Democrática Alemã, socialista. Construído em 1961, o muro patrulhado por militares - com ordem para matar todos aqueles que tentassem escapar - provocou a separação de milhares de famílias, amigos e conhecidos. 

Em Novembro de 1989, uma revolução tomou conta de Berlim. Ao longo das semanas, multidões atravessaram o muro, destruíram as torres e celebraram junto daqueles que já não abraçavam há vários anos. Foi nesta altura que se deu a Reunificação da Alemanha (celebrada oficialmente em 1990) e que terminou, simbolicamente, a Guerra Fria. O Muro de Berlim é hoje um ponto de visita obrigatório, por diversas razões. Quer queiramos, quer não, é parte da nossa História e mais um local que nos sensibiliza para a maldade, a ganância e a rivalidade do ser humano.

Nem todo o Muro é original. Alguns fragmentos from reconstruídos, existindo ainda no chão a marcação do percurso que esta construção histórica fazia quando ainda estava erguida. Como forma de sensibilizar e consciencializar o público para a História que neste lugar se viveu, vários artistas começaram a deixar o seu contributo. Hoje, o Muro de Berlim é uma autêntica galeria de arte ao ar livre, e se por um lado alguns desenhos mais icónicos se mantêm apesar dos anos, por outro lado vários trechos da construção berlinense são frequentemente pintados de branco ou cinza para que outros artistas possam deixar a sua marca. 

No meio de tantas nacionalidades, há uma contribuição portuguesa - da autoria de Ana Leonor - e o Muro de Berlim assume-se como uma chamada de atenção - não só relativamente à época em que foi construído, mas também em relação a vários temas que são pertinentes hoje em dia: a sustentabilidade, a discriminação, a ecologia, a felicidade, o amor, o dinheiro, as redes sociais.

















1 comentário:

  1. Que incrível! É um local que nos sensibiliza por tudo o que representa e ao mesmo tempo está coberto de arte. Que vontade de visitar!

    ResponderEliminar