Thirteen

CRACÓVIA, POLÓNIA | As Igrejas

Para minha surpresa Cracóvia não só superou as minhas expectativas, como também me fez sentir em casa. Assim como Braga, é uma cidade muito plana e com uma forte ligação religiosa, para além de ser uma cidade muito jovem e dinâmica, com muitos estudantes. A comparação foi imediata. 

Ainda que eu não tenha uma ligação à Igreja, cresci com os elementos que a representam e confesso que a arquitetura dos espaços de culto em todo o mundo me despertam curiosidade. Em Cracóvia, a cidade do Papa João Paulo II, o Catolicismo está muito presente e na Rua Grodzka encontramos duas igrejas icónicas: 1) a Igreja de São Pedro e de São Paulo e 2) a Igreja de Santo André.

Igreja de São Pedro e de São Paulo | Foi construída entre 1597 e 1619 e destaca-se pela sua fachada e pelas esculturas dos doze apóstolos (colocadas na grade exterior). O interior deste espaço é menos imponente do que esperamos, mas os detalhes dourados estão presentes, assim como a decoração trabalhada na abóbada.

Igreja de Santo André | A poucos metros de distância da anterior, a Igreja de Santo André cativa-nos pelas duas torres e o seu exterior simples, com janelas elevadas e uma porta menos comum. Construída entre 1079 e 1098, esta é uma obra românica muito visitada por quem passa por Cracóvia.  Graças à sua estrutura defensiva (com paredes grossas), a Igreja permitiu que muitas pessoas se abrigassem aqui durante a invasão tártara.


Mais sobre Cracóvia: 4 Curiosidades

2 comentários:

  1. Só fui a Varsóvia mas tenho muita vontade de conhecer Cracóvia, acredito que seja incrível:)

    Another Lovely Blog!, https://letrad.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. Mesmo antes do ler o post, ao olhar para a imagem, também associei logo à nossa linda cidade. As comparações parecem ser, de facto, inevitáveis :).
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar