Thirteen

BARCELONA, ESPANHA | Museo de Picasso

Segunda paragem em Barcelona: "Museo de Picasso". O nome diz tudo; inteiramente focado no artista de Málaga, conta com um acervo de cerca de 3500 peças que constituem a coleção mais completa do mundo das obras da juventude de Picasso. Para quem deseja descobrir as diferentes fases de Pablo Picasso, sem esquecer os anos da sua formação, este é o local a visitar.

O "Museo de Picasso" abriu ao público em 1963 e surgiu da vontade do próprio Picasso, que tinha uma ligação forte à cidade e que desejava que esta tivesse uma recordação sua. A exposição permanente do museu ocupa cinco grandes palácios onde as obras nos são apresentadas por ordem cronológica - aqui encontramos alguns esboços menos conhecidos, mas também obras bastante conhecidas como "O Divã" e a sua versão de "As Meninas".

Por tudo o que representa, este é considerado um dos museus mais importantes de Barcelona. No entanto, recomendo a visita apenas aos fãs de arte e, em particular, a quem tem algum interesse pela obra de Pablo Picasso - até porque os bilhetes (como em todos os museus de Barcelona) não são propriamente acessíveis e a visita completa é demorada.

No caso de não serem portadores do Barcelona Card (que nos confere entrada gratuita no museu, apenas temos de levantar os bilhetes numa zona de atendimento especial, sem filas), sugiro que façam a visita em horas menos populares, pois as filas são uma constante. O bilhete de adulto tem um custo de 12€. No primeiro domingo do mês, durante todo o dia, e às quintas-feiras, a partir das 18h00, a entrada é gratuita.






A opinião da Ângela sobre o Museo de Picasso pode ser lida AQUI.

Mais sobre Barcelona: 10 Dicas e Curiosidades | Cremat 11

1 comentário:

  1. Fiquei super triste de não visitar o Museu Picasso em Paris, sendo um artista que admiro imenso! Espero não deixar passar esta galeria quando for a Barcelona!

    ResponderEliminar