Thirteen

CINEMA | My Beautiful Broken Brain [2014]

A ideia de ter que reaprender tudo aquilo que fazemos de uma forma tão natural pode ser verdadeiramente assustadora, mas foi exatamente isso que aconteceu a Lotjje Sodderland depois de, em 2011 e com apenas 34 anos, ter sofrido um acidente vascular cerebral (AVC) que quase a matou. Dois dias depois da crise, Lotje acordou no hospital e deu por si num novo mundo, onde tarefas simples como falar ou ler se transformaram em desafios e passaram a exigir um enorme esforço. 

"My Beautiful Broken Brain" é um documentário (disponível na Netflix) que acompanha as semanas de Lotje a seguir ao AVC e que nos mostra o novo mundo da protagonista, o impacto que a situação teve na sua vida e os amigos e familiares que a apoiaram desde o primeiro dia. Sophie Robinson ajudou Lotje a transformar os vídeos caseiros de Lotje nesta produção e o resultado é extraordinário.

Este não é um documentário motivacional. É real, cru, delicado. No entanto, as partilhas simpáticas e bem-humoradas de Lotje após o derrame são absolutamente inspiradoras (até porque nem toda a gente teria a mesma força e capacidade de aceitação). 

"My Beautiful Broken Brain" fascina pela apresentação que faz do cérebro humano e pela forma como aborda as consequências que um acidente vascular cerebral pode implicar, mas é muito mais do que isso. Aliás, o título foi muito bem escolhido. "My Beautiful Broken Brain" é para ver com atenção e coração aberto, tendo em mente que não acontece só aos outros e que o nosso organismo é realmente complexo e repleto de detalhes por explorar.

Sem comentários:

Publicar um comentário